Etiquetas

,

Foi com tristeza que recebi a noticia da morte de Whitney Houston!

Fonte: classicwhitney.com

Na madrugada de sábado estava já deitada, naquelas alturas em que estamos a olhar para a TV já em sonhos, e vi várias imagens da Rainha dos prémios. Na altura veio-me à cabeça “queres ver que morreu”…entretanto adormeci!

Hoje fomos beber café a meio da manhã e lá estava… a constatação do meu suposto sonho no ecrã da TV😦

Uma das Vozes que me vez sonhar em adolescente e dançar até  me doerem os pés, que me trouxe uma lágrima ao canto do olho em adulta e me fez vezes e vezes sem conta ficar com “pele de galinha”!

Morreu uma artista genuína, uma Voz pura que cantou pela primeira vez aos 11 anos de idade no coro de gospel de uma igreja batista em Newark.
Uma Voz que teve os seus primeiros grandes sucessos ainda antes da “era da informática”, em que tudo é corrigido com a ajuda das novas tecnologias, uma Voz cristalina e sem “riscos” que se calou porque para além de artista Whitney Houston era também humana e sujeita, como todos nós, a tudo o que essa condição acarreta!

Fiquei, sinceramente, triste… Vozes assim aparecem de quando em quando, merecem lugares cativos nas nossas discografias e principalmente nas nossas memórias!

R.I.P Whitney Houston!

Deixo aqui o Teledisco, sim na minha altura era assim que se chamava a um clipe, de Whitney Houston que mais dancei, pulei, gritei e cantei ao espelho em adolescente (: